Notícias da Pecuária
Notícias sobre agronegócios, agricultura, pecuária e meio ambiente - 19 de Novembro de 2018
24/07/2018 - 11:13

Fazendeiro de SP é multado em R$ 278 mil por desmatamento ilegal

Durante fiscalização na zona rural do município de Ribas do Rio Pardo (MS), Policiais Militares Ambientais de Campo Grande autuaram na última segunda-feira (23), o proprietário de uma fazenda de 12.000 hectares, localizada a 30 km da cidade, por desmatamento e exploração de vegetação de cerrado sem autorização do órgão ambiental.
Divulgação/PMA
Ampliar
No local foram encontrados dois tratores com um correntão de 36 metros realizando o desmatamento ilegal. Já havia sido suprimida uma área de 258 hectares, medidos em GPS pelos Policiais, com derrubada de diversas árvores de grande porte sem autorização ambiental. Os tratores foram apreendidos.

Durante a vistoria, que era acompanhada pelo administrador da fazenda, foi alegado que estavam realizando a limpeza de pastagem, porém, esse tipo de atividade não permite o desmatamento de árvores de grande porte. Esse tipo de atividade é permitido somente com a Autorização Ambiental Eletrônica (AAE).

Em outra área próxima ao local, os Policiais verificaram ainda a derrubada de diversas árvores de grande porte para a exploração da madeira. As árvores derrubadas estavam sendo transformadas em estacas, postes e mourões para cercas, sendo que parte já estava instalada em cercas construídas na propriedade.  A madeira e os tratores foram apreendidos. As atividades foram interditadas.

Devido aos desmatamentos ilegais e falta de cuidados com o solo, a PMA verificou vários processos erosivos na propriedade. O infrator foi notificado a apresentar um Plano de Recuperação da Área Degradada e Alterada (PRADA) junto ao órgão ambiental estadual.

O fazendeiro (56), residente em Araçatuba (SP), foi autuado administrativamente e multado em R$ 278.100,00 pelo desmatamento ilegal e pela exploração ilegal de madeira. Ele também responderá por crime ambiental, que prevê pena de seis meses a um a ano de detenção.
Com informações PMA MS
Gostou? Compartilhe!
COMENTE ESTA NOTÍCIA
CURTIU O NOTÍCIAS DA PECUÁRIA?
MAIS NOTÍCIAS
Publicidade
Publicidade
ACOMPANHE NO FACEBOOK
Notícias da Pecuária - Todos os direitos reservados 2018.